terça-feira, 7 de abril de 2015

Islands of Adventure - Aventura, heróis e fantasia no parque "rival" da Disney

Contamos no último post sobre o Universal Studios, o "irmão" do parque que vamos mostrar hoje, aliás, o principal "rival" dos parques da Disney: o tão querido Islands of Adventure!


O que não falta é aventura. Vamos conhecê-lo?


Para começar, logo após a entrada, vamos virar à esquerda para conhecer a Marvel Super Hero Island.

Como o próprio nome entrega, os fãs dos super heróis da Marvel vão se fartar aqui.


É onde fica uma das melhoras montanhas-russas de Orlando, a The Incredible Hulk Coaster. Um dos seus principais diferenciais é que o carrinho não simplesmente sobe para depois cair. Ele é ejetado e já entramos num percurso louco com direito a loopings, parafusos e viradas radicais!
  

Para os menorezinhos e os menos corajosos, dá até para brincar de que se vai na montanha-russa, experimentando os modelos de assentos. Minha filha ficou até um pouco apreensiva quando sentou, achando que estava participando da atração!

Na verdade, essas cadeiras servem para a pessoa ver se ela cabe no banco e sente-se confortável.


Ao lado de fora, havia até o carro do Hulk para tirar fotos!


Tem interesse de ser ejetado de novo?

No estilo "cabum", o Doctor Doom Fearfall tem uma grande diferença para a maioria desse tipo de atração. Em vez de cair em alta velocidade, você é jogado para cima e a queda é que mais suave.

O Homem Aranha também lhe aguarda em um incrível simulador. Nessa mistura de ride com filme 3D, em The Amazing Adventure of the Spider Man embarcamos em uma  incrível viagem por New York, "voando" com sua teia pelos prédios e enfrentando perigos como o vilão Octopus. Vamos pular e cair em um circuito que sobe, desce, anda de lado e de frente, ser jogados ao chão e até sentirmos calor de fogo.  Sem dúvida uma das melhores atrações dos parques de Orlando!


Essa área, aliás, é um prato cheio para fotos com os personagens.



E cenários interessantes.



As crianças (e os fãs de quadrinhos) são o foco da próxima área, Toon Lagoon.

É um ótimo lugar também para tirar fotos.






Ou brincar com água.





E tome personagens! Aqui o queridíssimo Pica-Pau fazendo graça com o caderno de autógrafos, equilibrado em seu bico.




Vamos às atrações da Toon Lagoon?



O Dudley Do-Right’s Ripsaw Falls é um passeio pelo mundo do Dudu, aquele personagem da turma do Popeye que adora hambúrgueres. Você passeia em um barquinho por trechos dentro de uma estrutura e uma parte externa, com vista para o parque. A viagem termina em uma queda acentuada no desfiladeiro, espirrando água para todo lado.





Mas o que molha mesmo é o brinquedo tipo "corredeira" em homenagem ao Popeye e Brutus, chamado Popeye & Bluto’s Bilge-Rat Barges. No bote, andamos em um "rio agitado" por meio de uma "floresta".

Prepare-se porque a água não vem só do rio, mas também de cachoeiras e esguichos!



Mais calminho, Me Ship, The Olive, é o barco da Olívia Palito. Destinado aos menorezinhos se divertirem sem compromisso, é na verdade uma atração apenas para ver a decoração de um navio com seus itens internos, além de servir como um mirante, de onde pode-se avistar o parque e esguichar água nos botes da corredeira do Popeye que passam a seu lado.

E, quando você menos espera, seguindo em frente no parque, somos jogados nas maravilhas genéticas do mundo de Jurassic Park, quando os dinossauros voltam a viver!







Essa área, baseada no sucesso dirigido por Steven Spielberg, ao contrário do The Lost Continent (veja mais adiante), entrega o que promete!

A melhor atração é a Jurassic Park River Adventure. Passeie pela criação do gênio John Hammond, que construiu um parque temático em uma ilha tropical da América Central povoada por dinossauros clonados! Mas, cuidado! Assim como no filme, as coisas dão errado e os dinossauros escapam, trazendo perigos aos humanos.

É esse o clima do passeio, quando entramos em um barco mas logo vemos que alguns dinossauros estão perto de nós, representando uma ameaça. No final, um grande tiranossauro rex chega para nos apavorar. O resultado, não vale falar para não estragar, mas dá um frio na barriga!


Nesta área, você também encontra o Pteranodon Flyers, uma atração em que voamos em cadeirinhas, com as pernas balançando, e presos por um trilho no topo. Para embarcar nesse passeio agradável, é preciso estar acompanhado de uma criança e só vão dois de cada vez.

Para os pequenos gastarem mais energia, leve-os ao playground Camp Jurassic, cheio de redes para escalar, torres e escorregas.

Para finalizar, não conhecemos, mas aqui você também encontra o Jurassic Park Discovery Center, uma espécie de centro de pesquisas dedicado aos dinossauros, com "esqueletos" desses bichos, cientistas mostrando bebês dinossauros "nascendo", além de aprender uma série de curiosidades sobre estes animais.

E lá vamos nós!! Está ansioso? Nós também. Vamos para The Wizarding World of Harry Potter visitar Hogsmead!

Ao passar pela ponte que separa as duas áreas, você já vê o suntuoso Castelo de Hogwarts! Sim, você está entrando no primeiro ambiente construído pelo grupo Universal para retratar o mundo de Harry Potter!




Apesar de cheia de coisas interessantes para ver e vivenciar, realmente o que faz deste espaço uma experiência incrível, além da recriação de Hogsmead, é mesmo Harry Potter and the Forbidden Journey.

Este simulador é uma completa imersão nos filmes da turma do bruxinho. Já na fila, passamos por dentro da escola de Hogwarts, onde vemos os jornais com fotos que se mexem, quadros que conversam conosco e até mesmo projeções de Harry, Rony, Hermione e Dumbledore.


Esse simulador é uma grande aventura pelo entorno do castelo, em que voamos de vassoura, participamos de uma partida de quadribol e enfrentamos os terríveis dementadores! Sem dúvida, uma das melhores atrações de Orlando.

Para as crianças, uma boa pedida é o Flight of the Hippogriff, pois é uma montanha-russa "light" em que o carrinho é a ave mágica que dá nome ao brinquedo.


As grandes montanhas-russas que já existiam no parque, chamadas anteriormente de Duelling Dragons, foram reformadas e viraram o Dragon Challenge, com dois percursos que quase se esbarram em um trecho. Vale a pena tentar ir nas duas para vivenciar diferentes emoções!

Aqui pegamos um ângulo inusitado da aventura!


Ali no caminho para chegar a essa atração, você tem uma visão diferente do castelo e ainda encontra a cabana do Hagrid e o carro que cai depois de voar, reproduzido como a cena de um dos filmes do bruxo.




E já que está ali na área do Harry Potter, não deixe de se deslumbrar com a perfeição com que é reproduzida Hogsmead. Como bem lembrou no blog Colagem a expert Luciana Misura, esta é a vila para onde os estudantes de Hogwarts vão de vez em quando em um feriado perto do Natal. 

A primeira loja Olivanders, onde a varinha te escolhe, foi reproduzida em Hogsmead. Mas, prepare-se: as filas são grandes, então só vale a pena se você for muito fã. Várias outras lojas com bizarrices para bruxos ficam por ali por perto.



Tomar uma cerveja amanteigada é parada obrigdatória. Não provamos a versão normal, mas a versão frozen é muito boa. Ambas são vendidas em um quiosque no meio de Hogsmead ou no restaurante Three Broomsticks.



Este restaurante, aliás, é uma boa pedida. Nós só o visitamos para tomar uma cerveja amanteigada mas o menu de lá traz o tradicional prato inglês fish & chips, entre outros. A ambientação também é interessante.



Hogsmead também sedia shows específicos em horários esporádicos. É o caso das apresentações das alunas francesas da escola Beauxbatons e dos alunos da escola Instituto Durmstrang, que segundo o  Dicionário Madame Pince, localiza-se em um castelo ao norte da Europa, "provavelmente Escandinávia ou Rússia". Estes personagens foram retratados no filme "Harry Potter e o Cálice de Fogo".





Até encontramos um "aluno de Hogwarts" supostamente brasileiro, que pela aparência e por não ter dito uma palavra em português só deve ter mesmo nascido no Brasil e ido para os EUA em seguida. A única evidência da nacionalidade era o crachá em seu peito.


Atualmente também existe, de forma bem mais incrementada do que quando visitamos, a estação do Hogwarts Express, que leva para a continuação do Wizarding World of Harry Potter no Universal Studios.

Ao sair de Hogsmead, você vai entrar em uma área que, se o visual é incrível, as atrações deixam a desejar. Estamos falando do The Lost Continent,

E estas atrações são tão famosas por serem ruins que nunca fomos. A Isabel ate já foi ao Poseidon´s Fury há muitos anos e recorda-se muito pouco. Daí você vê como a experiência não é marcante...

De qualquer modo, aí vai a descrição: você fica em um ambiente "embaixo do nível do mar" vendo um show que mistura efeitos especiais de maremoto com uma luta entre o bem e o mal, permeada por explosões, bolas de fogo e lasers.

O The Eight Voyage of Sinbad é um show de dublês em que Sinbad tem que resgatar uma princesa das garras de uma bruxa.

Bem na entrada desta atração também está a Mystic Fountain, uma fonte que supostamente conta charadas e responde perguntas. Nunca conferimos se isso realmente acontece. Parece render boas fotos, além de esguichar água.

Outros cenários do The Lost Continent também são especiais para registrar imagens, como estes abaixos.








Nesta área também está o badalado restaurante Mythos, onde tivemos o prazer de almoçar.





As crianças fizeram bastante bagunça neste que é considerado um dos melhores restaurantes de parques temáticos de Orlando. Fomos um dos primeiro clientes a entrar e, por isso, estava ainda vazio. O cardápio tem entradas e acompanhamentos que podem incluir camarão e salmão, além de hambúrgueres, saladas e frango.


Como tudo no The Lost Continent, a decoração é incrível.


E permite belas vistas do parque.


Fechando assim com chave de ouro esta área não tão divertida, você pode cair em um mundo de cor com paisagens e personagens exóticos. Esta é a Seuss Landing, "ilha" inspirada nas criações do escritor Dr. Seuss, muito queridas pelos americanos.




Sua criação mais famosa, The Cat in the Hat, é o tema de uma atração em que passeamos por um trenzinho e vivenciamos, por meio de cenários e bonecos, a história do livro. Para criar uma grande bagunça, o gato recebe ajuda de Thing 1 e Thing 2. Aliás, já é um momento clássico adquirir uma das camisetas na loja Cats, Hats and Things de acordo com o número de filhos e passear pelo parque.






Ali ao lado fica o The High in the Sky Seuss Trolley Train Ride, um trenzinho que passeia em um trilho alto, por cima de parte do parque e com uma bela vista. Mas, quando fomos, concluímos que a fila foi muito longa para pouca emoção.




Mais divertido e sempre um sucesso entre as crianças é o One Fish, Two Fish, Red Fish, Blue Fish, baseado em outra história de Dr. Seuss. A atração tem peixinhos voadores que giram em círculo e passam por vários esguichos de água.



Um carrossel todo especial fica ali ao lado, com um nome esperto: Caro-Seuss-el.



E há também o "Jardim das Trúfulas" inspirado no filme do Lorax, outra criação de Dr. Seuss.


If I Ran the Zoo completa o espaço. Não conhecemos, mas é apresentado com um zoológico diferente com atividades interativas.

Acabou o dia? Depois de tantas emoções, você vai embora do parque. Porém, após todas estas experiências, a aventura continua vivendo em você!



Quer visitar o parque? Compre seus ingressos com a gente! Você paga parcelado em Reais e já sai do Brasil com os ingressos em mãos, evitando assim as filas das bilheterias. Solicite uma cotação!

Para entender os diferentes tipos de ingressos para os parques de Orlando, veja este post




Faça suas reservas pelo Booking.com clicando no link abaixo! Nós receberemos uma comissão, mas você não paga nada a mais por isso, e estará ajudando a manter o blog!


Pensando em alugar um carro? Reserve pela Rentalcars clicando no link abaixo. A Rentalcars pesquisa os melhores preços nas melhores operadoras. Alugando por aqui nós recebemos uma comissão mas você não paga nada a mais por isso e estará ajudando a manter o blog.



Se deseja ajuda para reservar toda a sua viagem e pagar TUDO em até 10 vezes sem juros, entre em contato com a gente através do formulário de contato do blog ou pelo e-mail paraadisney@gmail.com.

Nenhum comentário:

Postar um comentário